Agrônoma conquista o primeiro registro no CREA-RS de especialização em Homeopatia

 

A ex-aluna e agrônoma Luciane Franzen do curso de Pós-graduação em Ciência da Homeopatia conquistou o reconhecimento inédito da especialidade pelo seu conselho profissional, o Conselho Regional de Agronomia  – CREA -RS. Luciane encaminhou para o CREA a documentação  normalmente exigida para qualquer anotação de curso de pós-graduação. A primeira solicitação foi indeferida. No entanto, a ex-aluna solicitou nova reanálise por parte dos Conselheiros do CREA, encaminhando para eles vários artigos provenientes de pesquisas científicas desenvolvidas por Agrônomos, inclusive, em Universidades Federais, relativas ao uso da homeopatia na agricultura e na pecuária.

Também encaminhou a Instrução Normativa 07/99, do Ministério da Agricultura, que autoriza o uso da homeopatia como insumo para a produção orgânica. Desta forma, ficou clara a atuação do Agrônomo Homeopata e o pedido de anotação do curso de Pós Graduação em Ciência da Homeopatia foi deferido. “Estou muito feliz, pois para mim significa uma grande conquista e uma segurança a mais”.

Os conselhos de veterinária, biomedicina, odontologia, enfermagem, farmácia, fisioterapia e terapia ocupacional já possuem instruções normativas referentes à homeopatia.  Essa legalização só traz benefícios para os diversos profissionais da área da saúde. No entanto, a homeopatia não está restrita apenas aos graduados na área da saúde. O reconhecimento nas mais diversas áreas é só uma questão de tempo. Por exemplo, existem muitos terapeutas homeopatas pós-graduados em homeopatia que possuem graduação na área de humanas, como é o caso de psicólogos, jornalistas, advogados etc..

Pioneira no ensino da homeopatia no Brasil para as diversas áreas do saber, a prof. Dra. Eliete MM Fagundes faz questão de incentivar todos os conselhos profissionais a adotarem a homeopatia. Não é ao acaso que a Facibra escolheu a sua metodologia de ensino para promover o curso de pós-graduação em Ciência da Homeopatia. (conheça um pouco sobre a trajetória da Prof. Eliete aqui)

O reconhecimento oficial depende também do esforço e da batalha de cada um em conquistar o seu espaço, assim como fez a Luciane! A ex-aluna também tornou-se, por seu próprio mérito, professora do curso de homeopatia.

 

Mais sobre o tema:

https://homeopatias.com/duvidas/farmaceuticos-autorizados-a-exercer-a-terapia-homeopatica/

https://homeopatias.com/duvidas/conselhos-federais-legalizam-e-incentivam-a-terapeutica-homeopatica/

https://homeopatias.com/duvidas/enfermeiro-autorizado-a-exercer-a-terapeutica-homeopatica/

https://homeopatias.com/artigos/1o-seminario-no-senado-federal-reune-conselhos-profissionais-e-fortalece-a-homeopatia/

https://homeopatias.com/duvidas/a-ciencia-da-homeopatia-nao-e-exclusividade-medica-decisao-ministerio-publico-federal/

https://homeopatias.com/duvidas/biomedicos-autorizados-exercer-terapias-energeticas-normat-012012-c-federal-biomedicina/

https://homeopatias.com/base-legal-para-pos-graduacao/

https://homeopatias.com/bases-juridicas/portaria-971-26052006-politica-nacional-de-praticas-integrativas-e-complementares-no-sus/

https://homeopatias.com/artigos/carta-da-professora-eliete-aos-fisioterapeutas-do-brasil/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *